Postais do Coração - Ella Griffin

terça-feira, 1 de janeiro de 2013


Postais do Coração por Ella Griffin

Título Original: Postcards from the heart
Autora: Ella Griffin
ISBN: 978-85-8163-049-6
Editora: Novo Conceito
Tradução: Denise Tavares Gonçalves
Páginas: 447
Leia o 1º capítulo.


Classificação:



A vida está sendo generosa com Saffy. Ela tem um emprego brilhante, uma lindíssima cobertura em Dublin e, depois de seis anos, parece que seu namorado, Greg, finalmente pedirá sua mão em casamento. Greg é bem-sucedido também. Acabou de ser eleito o nono homem mais sexy da Irlanda e está prestes a estourar em Hollywood. Conor acorda toda manhã com Jess, a mulher mais linda do planeta, mas, mesmo após sete anos juntos e dois filhos, ela não quer se casar com ele. Conor passa seus dias ensinando adolescentes terríveis e passa suas noites escrevendo o livro que espera que seja uma chance de mudar tudo, inclusive a opinião de Jess. No entanto, está difícil alcançar o final feliz. Todos guardam segredos e terão de enfrentar algumas perguntas difíceis e respostas ainda mais difíceis antes de serem honestos com qualquer pessoa. Até consigo mesmos...

Depois de ler Lola e o Garoto da Casa ao Lado (Stephanie Perkins) e Dizem por aí... (Jill Mansell), eu agarrei A Vez da Minha Vida (Cecelia Ahern, mesma autora de "P.S. Eu te amo"), porém, depois de ler duas ou três páginas e questionar a sanidade da autora cinco ou seis vezes, desisti do livro. Eu estava procurando uma leitura mais leve e descontraída, no ritmo dos dois livros que eu havia lido anteriormente. Sendo assim, resolvi apelar para Postais do Coração, da autora estreante Ella Griffin, lançamento de novembro da editora Novo Conceito, e, como o início do livro conseguiu cativar a mim completamente, decidi avançar na leitura. Tudo o que eu esperava era uma leitura agradável e levemente engraçada - e, por isso mesmo, irresistível. 

E o que eu posso dizer agora, depois de terminada a leitura? Eu deveria ter prestado atenção no comentário da escritora Marian Keys (autora de "Melancia", "Cheiro de Charme" e vários outros best-selles) na capa do livro. Tudo bem, muito bem, eu ri - ri mesmo. Diversas vezes. Mas também chorei e me emocionei durante diversas passagens do livro. Esqueça o título clichê: Ella Griffin escreve com emoção sobre temas que, ainda que possam ser considerados "comuns", adquirem profundidade quando narrados sob a ótica de Griffin. E, claro, não esquecendo aquela pitada irresistível de humor que os escritores irlandeses sabem dosar como ninguém. 


O livro se divide entre quatro personagens diferentes: Saffy, Greg, Jess e Conor. Saffy é publicitária e mora num belíssimo apartamento com o namorado, Greg, o famoso bombeiro Mac Malone de um seriado de TV e eleito o nono homem mais sexy da Irlanda. O único problema é que Saffy espera há anos por um pedido de casamento - algo que Greg não está disposto a fazer, não agora que a sua carreira está deslanchando e que logo logo ele estará em Hollywood. As coisas saem do controle quando Saffy resolve (depois de ter bebido um pouco demais) pedir Greg em casamento, e ele diz simples e sonoramente "não". E acaba na cama com uma garota completamente obcecada por ele.

Jess e Conor vivem juntos há sete anos e tem dois filhos. Mesmo agora, Conor não acredita na sorte que tem por ter uma mulher como Jess na cama ao lado dele. Trabalhando como professor para um bando de adolescentes, Conor odeia o seu emprego e tudo o que ele deseja é ver seu livro publicado. Quando um incidente acaba por fazer com que se interessem pelo livro dele, Conor empreende todas as suas forças no término do livro, que ele espera que faça Jess mudar de ideia a respeito do casamento. Porém, as coisas fogem do controle e o que era para fazer com que Jess sentisse orgulho dele, acaba por fazer com que eles se afastem um do outro, já que Jess se ressente de toda a atenção que Conor vem dispensando ao livro, o que faz com que ele se torne mais e mais distante dela e dos gêmeos.

Mesmo com todos os erros que os personagens cometem durante o livro, é impossível odiá-los - mesmo individualmente. A história dá muitas e muitas voltas, e surpreende de muitas maneiras - principalmente espertinhos como eu que acham que sabem exatamente onde aquela meleca toda vai acabar. Tomei um banho de água fria diversas vezes, imaginando desfechos que nunca aconteceram para algumas situações narradas.

Saffy, Greg, Conor e Jess não tem nada assim de tão especial. Elas são como você e eu, pessoas que cometem erros, e tentam consertá-los, e vivem, e cometem erros novamente, e sonham, e amam... Pessoas que se encontram por acaso, vomitam nas botas dos outros, que subitamente descobrem ter um câncer, que tentam ser bons pais e falham, pessoas comuns que precisam trabalhar para pagar suas contas (nem que para isso precisem se vestir de aipo)... E, talvez por isso mesmo, eles se tornem tão especiais.

Como resume bem o primeiro parágrafo da sinopse do livro (que eu, a propósito, não coloquei aí em cima...), "contando a história de quatro amigos, Postais do Coração trata de amor, família, morte, luxúria, fama, pilotos de balões e hamsters perdidos. Mas, acima de tudo, é sobre o amor. Encontrá-lo, perdê-lo e descobrir como mantê-lo..."

Se vale a leitura? Você decide.



O livro "Postais do Coração" (Ella Griffin) é uma 
cortesia da editora Novo Conceito

comentário(s) pelo facebook:

28 comentários :

  1. Oi, Náh.

    Percebi que este livro trouxe-lhe um turbilhão de emoções.

    Sempre fui boa em prever os desfechos, mas será que consigo neste?

    Pelo pouco que mencionou é o tipo de enredo que gosto que faz com que nos identifiquemos com os personagens.

    Você instigou ainda mais a minha curiosidade.

    Bom ano pra você.

    Beijos.

    ResponderExcluir
  2. Oi Nah!

    Estou curiosa com a história, acho que vou gostar \o/

    Bjs!

    ResponderExcluir
  3. Tenho esse livro aqui, mas não sei se leio ou não.
    Mas pela sua resenha ele parece ser ótimo!

    Beijos, Rayra Mirelem
    Books Lovely

    ResponderExcluir
  4. O que me chamou atenção desse post, confesso, foi as cincos estrelas que você deu ao livro.

    Realmente é tão merecido a esse ponto mesmo?
    Pela sinopse seria um dos últimos livros que compraria em uma livraria. Mas agora vou buscar ler, não sei se você é criteriosa com a classificação.
    Sei que eu sou, e até hoje posso contar nos dedos livros que eu considerasse como cinco estrelas!

    Minha linda! Beijão!

    http://bellaletra.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Ese livro parece nos trazer, enquanto lemos, um turbilhão de emoçoes e o final parece um pouco imprevisível, coisa que adoro. Deve ser maravilhoso. Vou tentar ler.
    Beijos,
    Luana Karla - Sector 12 - http://sector-12.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  6. Eu também estranhei bastante A vez da minha vida, aquela história de a vida dela ser uma pessoa que vem visitá-la e todo mundo aceitar isso como se fosse normal é bem estranha, mas resolvi embarcar no absurdo, eu até que curto um absurdo, e acabei me divertindo com o livro. Postais do coração parece ser uma história bem mais pés no chão com personagens que poderiam ser reais, que cometem erros como todos nós, apesar do título meio brega, parece ser bem interessante.

    ResponderExcluir
  7. Deve ser um ótimo livro! Parece ser uma história envolvente, curiosa e surpreendente! hehe
    Beeijos,
    leitoraobsessiva.blogspot.com

    ResponderExcluir
  8. Oi Náh!

    Quero muitíssimo ler! Depois desta sua resenha ainda mais! Não importa os defeitos, em Lola encontrei alguns, mas amei!

    Bjokas

    Thaís

    ResponderExcluir
  9. Achei essa estória linda principalmente após ler uma resenha tão apaixonada como a sua, Já faz um tempo que quero ler esse livro, mas agora apenas espero a oportunidade de te-lo em minha estante

    ResponderExcluir
  10. Engraçado que todas as vezes que eu olho pra esse livro acho que ele foi escrito pela Emily Giffin, os nomes das autores me confundem, rsrsrs.
    Enfim, ainda não li esse livro não estava me sentindo interessada e ele não parecia ser tão legal apesar do título fofo. Mas sua resenha me conquistou e principalmete, me convenceu que eu não posso continuar deixando ele pra depois.

    Beijos
    Caline - Mundo de Papel

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Posso confessar?! Eu também! (rs) Logo que vi a capa e o nome da autora, pensei: deve ser irmã da Emily Giffin! (rs) As narrativas até que são parecidas mesmo, mas Ella Griffin escrever com uma pitada de humor, diferente da Emily! Mas adoro os livros da Emily, e gostei muito de "Postais do Coração" também!
      Beijos! *.*

      Excluir
  11. adorei sua resenha, estou louca pra ler esse livro! gosto de livros assim que envolvem a gente, faz rir, chorar... espero ler logo :)

    ResponderExcluir
  12. Achei o livro super bom só de ver a sinopse. É legal, a história chamou minha atenção de cara e espero estar lendo em breve. Vale a pena pelo jeito.

    ResponderExcluir
  13. Admito que nunca tinha dado muita atençao a este livro, mas, depois de ler essa resenha, quero muito ler. Ainda mais depois der ver que a Marian Keyes curtiu!! Pelo que foi dito, é uma leitura leve, o tipo de leitura ideal para mim.

    ResponderExcluir
  14. Ola!
    Adorei a resenha!
    Fiquei curiosa pra ler o livro!
    Ah! assisti seus videos e gostei bastante! Sua estante eh linda! pq nao faz um Bookshelftour? hehe!
    Bejos!

    ResponderExcluir
  15. Quando vi a capa do livro pensei que fosse da Emily Giffin, e o nome da autora confunde um pouco. Tive que ler o nome da autora duas vezes HAHA. Eu tinha uma vontade de ler esse livro mas depois eu perdi a vontade e agora que eu vi a resenha fiquei com vontade de ler de novo, rs. Vou incluir ele na minha lista de livros desejados de 2013. hihi ^^

    ResponderExcluir
  16. Simplesmente adorei o título, a capa, a sinopse e a resenha! Tenho certeza de que vou amar a história.
    Gosto de livros assim, leves e emocionantes, e que nos faz pensar e refletir sobre as nossas próprias vidas, pois os personagens são tão humanos e suscetíveis de erros como nós.
    Já queria muito ler, e juro, que depois da sua resenha, fiquei ainda mais animada e curiosa.
    Bjs
    Jenniffer Puerta

    ResponderExcluir
  17. a autora é uma desconhecida para mim e eu queria saber mais sobre ela e sobre seu livro e essa é a primeira resenha que li sobre o livro e sua historia me agradou e caticou, bacana ver personagens mais reais. parabens pela resenha

    ResponderExcluir
  18. Gostei bastaante, amo livros deste tipo, amei sua resenha, fiquei ainda mais curioso para ler o livro todooo!

    ResponderExcluir
  19. Estou doida por esse livro, minha vontade só aumentou depois de ler a resenha, muito boa!

    ResponderExcluir
  20. Não imaginava que esse livro tinha umas pitadinhas de humor. Imaginei que era uma leitura mais densa e chata, por isso não tinha dado tanta importância assim. Que bom que a autora conseguiu dosar bem todos os elementos nessa narrativa. Espero ter a oportunidade de ler em breve.

    @_Dom_Dom

    ResponderExcluir
  21. Gostei muito da resenha, me deixou curiosa para ler o livro... Parece ser bem legal...

    ResponderExcluir
  22. Nossa pela capa e pelo comentario, acho que é daqueles livros que para de ler soh quando acaba mesmo, me deixou curioso para saber se é bom mesmo livro.quem sabe tenho a oportunidade de ler.

    ResponderExcluir
  23. A resenha é nem legal, a historia me comoveu muito !

    ResponderExcluir
  24. A capa do livro não me chamou tanto atenção, eu achava que se tratava mais de um livro romance e drama, mas vejo que eu estou enganada seria um chick-lit??

    ResponderExcluir
  25. Hum… confesso que nao gosto muito de livro narrado por tantas pessoas assim, é bom saber e compreender melhor os personagens, mas assim eu acho que fico muito confusa, afinal sao 4!
    Parece de leitura realmente leve, desconfiada com o riso, nao vejo esse livro assim, achei que seria mais dramatico, vejo que me enganei rs
    A autora é nova, entao me gera uma curiosidade, espero que seja mesmo tao bom, ja virou desejado!
    Bj

    ResponderExcluir
  26. Hum… confesso que nao gosto muito de livro narrado por tantas pessoas assim, é bom saber e compreender melhor os personagens, mas assim eu acho que fico muito confusa, afinal sao 4!
    Parece de leitura realmente leve, desconfiada com o riso, nao vejo esse livro assim, achei que seria mais dramatico, vejo que me enganei rs
    A autora é nova, entao me gera uma curiosidade, espero que seja mesmo tao bom, ja virou desejado!
    Bj

    ResponderExcluir