Ela só queria casar... - Marcelo Cezar (pelo espírito Marco Aurélio)

sábado, 7 de julho de 2012


Ela só queria casar... por Marcelo Cezar (pelo espírito Marco Aurélio)

Título: Ela só queria casar...
Autor: Marcelo Cezar (pelo espírito Marco Aurélio)
ISBN: 978-85-7722-205-6
Editora: Vida & Consciência
Páginas: 320
Gênero: Romance Espírita
Classificação: ★★★

Gláucia é uma jovem comum, cujo maior sonho é se casar como manda o figurino: igreja, vestido, véu, grinalda, buquê, padrinhos... Depois de sete anos de noivado, ela está prestes a realizar o seu grande sonho. 
Luciano, seu noivo, é um homem honesto e trabalhador. Em seus planos, o casamento deveria acontecer somente dali a alguns anos, quando ele tivesse estabilidade financeira suficiente para cuidar da família que ele e a noiva, Gláucia, construiriam juntos. 
Mas ela não concorda com os planos dele. O pai de Luciano é um homem rico, e, para Gláucia, o noivo devia agir como o irmão, Lucas, que vive a vida da maneira que quer, sem se preocupar com o futuro, certo da herança que irá receber quando o pai morrer. 
Para convencer o noivo a honrar o compromisso de uma vez, ela finge uma gravidez. E funciona. Luciano acredita na mentira e eles marcam a data do casamento. Porém, o destino prega uma peça em ambos. Ao sair de uma festa, Gláucia acaba sendo vítima de um assalto, e, ao reagir, acaba morta com um tiro.
Ela só queria casar..., psicografado por Marcelo Cezar, é um romance espírita que traz a seguinte reflexão: o que você faria se morresse neste exato momento e fosse obrigado a deixar, por tempo indeterminado, a pessoa que você ama, sua família, e mesmo seus amigos, seu trabalho, sua casa e todos os seus pertences?
Quando a autópsia do corpo de Gláucia revela que ela nunca esteve grávida, Luciano passa a odiá-la e ao que ela fez a ele ao mentir sobre o bebê. A obsessão de Luciano faz com que Gláucia não consiga seguir o seu caminho no mundo dos espíritos, e ela passa a vagar sem rumo, em busca do perdão que ele, Luciano, se sente incapaz de oferecer. 
Embora o título do livro faça referência a Gláucia, não é só em torno dela que a narrativa gira. Na verdade, muito personagens estão ligados entre si, e fazem parte da história não como coadjuvantes, mas como personagens principais, assim como a própria Gláucia. 
Além de Luciano e Lucas (um irresponsável, completamente louco, capaz de qualquer coisa) temos também a doce Magali (que é a melhor amiga de Gláucia), Débora (a irmã de Gláucia, que possui uma sensibilidade muito grande, e é capaz de ver e ouvir os espíritos), Iara (madrasta de Gláucia), além de outros personagens que aparecem no decorrer da história, como Sarajane (uma mulher extremamente bela e sensual, e que usa da sua beleza para conseguir o que quer a qualquer custo), entre outros.
Eu gosto de ler livros espíritas, e Ela só queria casar..., em especial, traz reflexões muito importantes, principalmente sobre o perdão. A trama é bem desenvolvida, e a narrativa possui uma linguagem simples e rápida. Os capítulos são curtos, o que faz com que a leitura avance rapidamente. 
Em resumo, um ótimo livro para quem gosta de ler romances do gênero!

Comentário(s):

Um comentário :

  1. Eu andei lendo outra resenha desse livro. Não me interesso por romances espíritas. Minha mãe curte muito. Porém esse título e essa capa chamam muito a atenção.

    Parece bom pela tua resenha.

    liliescreve.blogspot.com

    ResponderExcluir
:-/ :-O X( :7 B-) :-S ( ) :-B ~X( L-) (:| =D7 @-) :-w 7:P \m/ :-q :-bd